Como lidar com o “Tilt”

Não importa qual jogador você seja, casual, hardcore, amador ou profissional, cada um de nós precisa admitir que ás vezes nossas emoções afetam nosso raciocínio e tomadas de decisão. Enquanto não vemos problemas no aspecto emocional da vitória, perder, por outro lado, é um caso completamente diferente. Emoções negativas associadas a perder costumam ser referidas como “tilt”. O termo se popularizou no poker e é descrito como um estado mental ou emocional de confusão/frustração em que o jogador passa a adotar estratégias abaixo do ideal.

Jogando tiltado

Imagine o seguinte cenário; Tudo está indo muito bem, você está ganhando, se sentindo confiante com o deck que está jogando e do nada, sua sequência de vitórias é interrompida. A causa pode ser uma desconexão, um bug ao procurar uma partida ou porque seu oponente teve muita sorte. O problema aparece quando você vai para as próximas partidas e começa a perder, perder e perder. Você sente que precisa recuperar a pontuação perdida.

Ao entrar em uma sequência de derrotas nasce em você uma necessidade de recuperar os pontos perdidos. A lógica te diz que isso é possível. Você estava ganhando anteriormente enquanto jogava da mesma forma, por que agora seria diferente? Contudo, agora seus adversários estão usando decks que tem vantagem sobre o seu, o que acontece vezes seguidas, a moeda sempre lhe indica como o jogador a começar a partida ou falta sorte nas cartas que envolvem RNG (aleatoriedade). Ao menos é isso que você sente no momento. Você sente a pressão de jogar para ganhar mais e você continua cometendo mais e mais erros, resultando em uma enorme sequência de derrotas, grandes quantidades de pontos perdidos, horas de jogo mal aproveitadas e muitas emoções negativas.

Efeitos do tilt na sua jogabilidade

Agora que já especificamos um cenário, vamos dar uma olhada nos dois jeitos mais comuns de jogar enquanto no estado de tilt. Nos próximos parágrafos você irá aprender como identificar os erros que você mais comete enquanto jogada neste estado.

          1. Jogador ludomaníaco (viciado em jogar)

Imediatamente após perder, você sente como se tivesse que recuperar o que perdeu. Na vida real, apostadores são motivados por dinheiro, mas em Gwent as apostas são diferentes. Existem muitas razões para que jogadores se sintam pressionados a jogar mesmo enquanto tiltados, como por exemplo:

  • Enquanto tenta melhorar sua pontuação, seja na Pro Ladder como na Ranked, você tem medo de nunca mais conseguir alcançar seu melhor desempenho quando você perde. Isso também se conecta a punição por uma grande perda, porque quanto mais longe você chegar, mais perigoso fica para você jogar.
  • Utilizar um deck antes que ele se popularize — você descobre um deck que está tendo resultados incríveis no meta atual e você quer tirar o máximo para melhorar seu fMMR/MMR. Mesmo que essa seja a decisão mais acertada a se tomar, você pode não se sentir confortável com o deck e assim começa a perder, o que resulta em um tilt.

Considerando que praticamente todo jogo de cartas tem como base a mecânica randômica de comprar cartas, não se pode fazer nenhuma previsão usando como base resultados aleatórios. Com isso dito, é exatamente isso que pessoas com problemas de vício em apostar fazem. Outros exemplos de mecânicas aleatórias presentes no Gwent, seriam:

  • Matchmaking – você nunca sabe exatamente qual deck irá enfrentar.
  • Coinflip – chance de 50% para cada jogador.
  • Cartas com sua mecânica voltada para o RNG, como Chuva Torrencial.
  • Cartas de “Criar”

Muitos jogadores fazem relação de seus resultados anteriores e essas mecânicas. Você já deve ter ouvido coisas como essas:

  • “Eu não comprei a carta que precisava na última partida, nessa eu irei comprar”
  • “Com toda certeza eu vou ganhar a coinflip agora, eu já perdi X vezes em sequência”
  • “Eu perdi por falta de sorte no RNG, dessa vez eu vou ter sorte”

Nenhuma dessas afirmações é correta, já que elas se referem a resultados randômicos. Mesmo que a probabilidade esteja do seu lado, lembre-se que você pode ser aquela pessoa entre centenas/milhares que perdem na coinflip dez vezes seguidas.

Jogadores que lidam com o tilt dessa maneira, demostram vários sinais que são fáceis de reconhecer. Isso nos permite distinguir o estilo de jogo desses jogadores:

  • Tomam decisões apressadas — jogam rápido, sem pensar ou prestar muita atenção nas jogadas.
  • Trocam muito de deck — você joga uma partida com um deck que você gosta, enfrentou um deck desfavorável, correu e trocou para um deck que não se sente confortável em jogar, perde e novamente troca de deck, etc.
  • Se coloca nas mãos da sorte e joga de forma perigosa, pois se sente pressionado a arriscar para não perder. Você acredita que tem que ter muita sorte ou nunca mais irá ganhar.

          2. Perda de confiança ou medo de perder

Muitos jogadores quando entram em estado de tilt, vão exatamente pelo caminho oposto do jogador ludomaníaco. Ao invés de passar a jogar de forma agressiva e rápida, eles encontram algo muito conhecido como “ladder anxiety”, ou ansiedade pré-competitiva. A ansiedade pré-competitiva costuma acontecer quando você está jogando fora do que acredita ser seu nível de habilidade, quase sempre após você atingir uma meta. Você sente que as apostas dali em diante serão muito altas, e têm muito medo de perder. Uma forma similar a essa ansiedade pode ocorrer quando o jogador está tiltado e perde uma grande quantidade de jogos. Alguns jogadores tendem a desistir do jogo, porque tem medo de perder mais. Quando você decide jogar, você não está confiante, você joga de forma excessivamente segura e não tenta jogadas arriscadas mesmo que possa fazê-las, como:

  • Você passa o turno de forma preventiva — você não quer ter nenhum tipo de risco, então passa em uma situação que não deveria. Por não arriscar o resultado final é uma derrota, porque você optou pela forma segura todas às vezes possíveis.
  • Você troca de deck com muita frequência — tem medo de enfrentar um adversário desfavorável e não se sente confiante com nenhum deck que joga. Você fica cego pelo aspecto negativo de todo deck e não consegue avaliar o meta que está jogando com clareza.
  • Você opta por não jogar — o medo de perder rouba sua confiança. Decide que será melhor se não jogar mais. Segurar sua pontuação só resultará em você não atingindo a meta que desejava.

Como lidar com o tilt

Após estabelecermos os tipos de jogador mais comuns quando tiltados, passamos para outra questão: “Como lidar com o Tilt?” Nos deixe lhe mostrar alguns passos que podem ajudar a enfrentar este peculiar estado de espírito.

          Dica 1: Admita que você está tiltado

Admitir que você se encontra tiltado e que seu modo de jogar está sendo afetado pelo estado da sua mente é o primeiro e mais importante passo. A ideia de admitir que você está sendo controlado pelas suas emoções soa como uma coisa fácil a se fazer, mas é mais difícil do que aparenta. Independente de você ser um jogador de torneios de alto nível, streamer, jogador de ranked ou casual, nosso ego não nos permite admitir que estamos tiltados. Às vezes, preferimos culpar tudo e todos pelos nossos erros. Seja qual for o caso, o resultado do nosso tilt é somente um: derrota. Se você considerar suas emoções e o impacto delas na sua jogabilidade, você será capaz de se controlar quando entrar em tilt. A autodisciplina e o controle irão te ajudar a se concentrar nos aspectos importantes da jogabilidade e filtrar o resto.

          Dica 2: Faça uma pausa

Muitos jogadores competitivos abrem o Gwent e começam a jogar sem pensar sobre o por que eles estão jogando. Quando o tilt chega você se sente pressionado em atingir sua meta, seja ela o título de Grão-Mestre ou uma vaga no próximo torneio oficial de Gwent. Tente se lembrar o motivo de você ter começado a jogar este jogo. Para ser bem-sucedido em algo não significa que o jogo tem que se tornar uma tarefa árdua para você. Não significa que você tem que gastar horas jogando, perdendo e passando raiva, só porque você deseja conquistar algo. Na realidade, você estará fazendo o contrário, que é afastando-se mais do seu objetivo. Faça uma pausa! Se levante da sua mesa e beba/coma algo ou foque em coisas da sua vida pessoal. Colocar pressão constante sobre si mesmo não é nada saudável. Muitos jogadores possuem uma regra de ouro: “três derrotas = pausa”. Seguindo essa regra, mesmo quando você não se sente tiltado, é uma das melhores maneiras de prevenir que um tilt comece. Tente seguir essa mesma regra e veja por si mesmo se a qualidade da sua jogabilidade mudará, ou continuará a mesma.

Quando dar uma pausa não é uma possibilidade, como entre partidas de um torneio, use todo o tempo disponível em sua vantagem. No Gwent, o tempo do turno é uma das coisas que a maioria dos jogadores costumam esquecer. Usar o tempo máximo e pensar em suas jogadas ou simplesmente usar esse tempo para repensar sua estratégia e limpar sua mente, vai somente te ajudar. Tempo é uma coisa valiosa e aprender a utilizá-lo em sua vantagem não vai somente te ajudar com o tilt, vai te transformar em um jogador melhor também!

          Dica 3: Organize melhor seu tempo

Organizar seu tempo é crucial para maximizar sua eficiência no Gwent. Com já mencionado antes, muito jogadores jogam sem nenhuma organização. Se você der uma olhada no Top 20 da Pro Ladder em todas as temporadas, você encontrará diferenças de milhares de partidas jogadas entre jogadores individuais. Esta é a diferença entre a abordagem quantitativa e a qualitativa do jogo. Se você está tiltado e sente como se estivesse jogando porque não tem nada melhor para fazer, algo está errado. Certifique-se de ter um cronograma claro de quando tem tempo de jogar e quando não. O tempo que você investe no jogo conta. Se você estiver com raiva ou frustrado com o jogo, invista mais tempo em outras atividades e reorganize o tempo que dedica ao jogo.

Uma das formas de garantir que você está dedicando seu tempo de forma eficiente enquanto joga e foge do tilt, é jogando com um parceiro. Conversar com um amigo que pode apontar seus erros e transformar derrotas em vitórias é uma das melhores formas de prevenir o tilt.

Conclusão

Lidar com o tilt nunca será fácil. Alguns de nós possuímos maior facilidade para lidar com ele do que outros, mas todos nós às vezes sofremos de estresse e desconforto emocional. Quando você controlar os aspectos emocionais do Gwent, você perceberá que sua eficiência irá aumentar imensamente.

Todos os créditos pelo texto para DANMAN233, membro do time Aretuza. Caso deseje ler a matéria original, você a encontra aqui.

Comentários